Obra de contenção de encosta dá segurança a famílias em Tancredo Neves

As famílias que moram nas imediações de uma encosta na Rua Gabriel Monteiro de Castro, em Tancredo Neves, poderão dormir tranquilas em dias de chuvas intensas. Nesta quarta-feira (15), a Prefeitura entregou uma obra de contenção, para solucionar o problema de deslizamento de terra numa área de risco da localidade. A intervenção foi inaugurada em ato simbólico com a presença do vice-prefeito Bruno Reis, do secretário de Infraestrutura (Seinfra), Luciano Sandes, e do vereador Paulo Magalhães Júnior.

De acordo com Bruno Reis, a obra contou com investimento de R$ 241,1 mil, destinado à contenção da área de risco, à construção de uma escadaria e à realização de serviços de pavimentação, com implantação de calçada e meio-fio. “O objetivo maior desta intervenção é salvar as vidas das famílias que moram perto da encosta. Também garantimos a mobilidade na rua, permitindo a passagem de veículos com segurança”, afirmou o vice-prefeito.

A Prefeitura, segundo Bruno Reis, já fez intervenções em cerca de 300 encostas na capital baiana, com geomantas ou obras de contenção. “A nossa cidade tem uma geografia irregular. O IBGE aponta que 47% da população de Salvador mora em áreas de risco. Só a atual gestão, nesses últimos anos, já levou mais segurança e tranquilidade para as famílias que vivem em um terço dessas localidades. Estamos transformando de verdade a vida das pessoas”, assinalou o vice-prefeito.

Na atividade, Bruno Reis ainda informou que a Prefeitura vai implantar lâmpadas em LED em todas as ruas de Tancredo Neves e Beiru, pelo Iluminando Nosso Bairro, além de recuperar a escadaria da Travessa São Jorge. “O programa, que já chegou ao Cabula VI e ao Arenoso, agora, também chega a esta comunidade, onde todas as 286 vias terão iluminação em LED, que é mais eficiente, vai embelezar mais o bairro e, principalmente, vai aumentar a sensação de segurança das pessoas”, pontuou.

O vice-prefeito também fez um apelo à população para redobrar os cuidados com a higiene e manter o isolamento social, com o objetivo de diminuir o índice de contaminação pelo novo coronavírus. “Tancredo Neves recebeu as medidas de apoio e proteção à vida durante praticamente cinco semanas. Foi o bairro que por mais tempo a Prefeitura permaneceu, por conta do número de pessoas que contraíram o coronavírus. Quando iniciamos a operação na região, 47% da população testada estava com o vírus”, recordou.

Categorias: Noticias

Etiquetas: ,,,

Comentários estão fechados