Vereador Sílvio Humberto (PSB) destaca a importância do professor para transformação social

Profissionais Responsáveis pelo desenvolvimento da educação e do conhecimento no país, os professores atuam desde a educação infantil até o ensino superior. Os dias atuais no que diz respeito à educação não são animadores.

De acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), O Brasil ainda tem 11,3 milhões de analfabetos entre a população de 15 anos ou mais — o número corresponde a 6,8% dessa população. Na contra mão de um sistema excludente e esmagador, o Instituto Steve Biko localizado no Pelourinho, segue a 27 anos inserido mais de cinco mil jovens em universidades públicas e privadas.

Sem fins lucrativos, a entidade foi criada em 31 de julho de 1992 pelo professor e hoje vereador e presidente de honra do Instituto, Sílvio Humberto. A instituição atua com a preparação de jovens para acessar o Ensino Superior, além de programas de intercâmbio e de iniciação científica dando acesso aos que não podem pagar por um curso preparatório. A iniciativa é destinada exclusivamente para população negra.

Sílvio destaca a importância da Biko para transformação através da educação. “O quilombo da Educação transgressora, quebrando os grilhões da escravidão mental. Afirmando sim, é possível sim. Lugar de Gente que se importa com Gente. Diariamente, afirmando-nos o poder transformador da educação, uma mantra repetido por inúmeros [email protected] A Biko mudou a minha vida”, pontua.

Sobre os números alarmantes sobre a educação básica no Brasil, o vereador destaca o pensar inimaginável. “Somos que nem bambuzal durante as tempestades, quase vamos ao chão diante de tantos desmandos e descasos , mas logo que passa, estamos prontos para prosseguimos com a nossa missão educadora. Educar para transformar, educar para transgredir espaços, educar para pensar o inimaginável. Educar para um mundo melhor, mais fraterno e solidário. Muito orgulho de ser um Mwalimu (professor em Kiswalli )”, finalizou.

Categorias: Noticias

Comentários estão fechados