Evento marca abertura de edital para fomento a iniciativas de impacto social

Foi lançado na tarde desta quinta-feira (26) o edital de seleção dos programas da Incubadora de Negócios Sociais In Pacto. A promoção do certame pela Prefeitura ocorre por meio da Secretaria de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis) e do Parque Social. O lançamento do projeto aconteceu no Centro Municipal de Inovação Colabore, no Parque da Cidade, no bairro do Itaigara..

A presidente de honra do Parque Social, Rosário Magalhães, destacou que o projeto tem como objetivo maior da iniciativa fomentar soluções para tornar a sociedade economicamente desenvolvida e socialmente justa, respeitando a preservação ambiental. Ela ressaltou que há critérios importantes que devem ser atendidos para que o negócio proposto seja contemplado pelo edital.

“É preciso ter perfil de empreendedor social, um perfil de solucionar questões sociais. A ideia também deve atender a critérios dos 17 Objetivos Globais do Desenvolvimento Sustentável, ter consistência técnica, potencial de mercado e escalabilidade para ser replicado a outras realidades”, detalhou.

As propostas selecionadas irão receber, gratuitamente, toda a formação, além de acesso à estrutura física da In Pacto, com estações de trabalho, salas de reunião e espaço multiuso. Os interessados em participar do evento de lançamento do edital devem se inscrever por meio do Formulário de Inscrição Online no site www.inpacto.salvador.ba.gov.br ou na sede da In Pacto, no Colabore. O prazo é de 26 de outubro a 13 de novembro.

O secretário da Secis, André Fraga, também reforçou a importância do estímulo a projetos que ajudem Salvador a vencer suas desigualdades em paralelo a uma colaboração com o planeta. “Adotar soluções que ajudem a cidade a vencer seus desafios e, ao mesmo tempo, gerar renda, negócios, empreendimentos sociais, é algo extremamente importante para Salvador e para o planeta”, destacou.

Modalidades – De acordo com o edital, a seleção ocorrerá para duas modalidades. Uma delas é voltada para o programa de pré-incubação, direcionado para ideias, projetos ou negócios em fase inicial de desenvolvimento, inovadores e de impacto social positivo, formal ou informal. Essa modalidade terá a duração de seis meses, e será composta por 86 horas de suporte e qualificação, com a realização de palestras, consultorias, capacitações, mentorias e assessoria.

A outra modalidade é o programa de incubação, que tem como público-alvo negócios já formalizados, em início de operação, inovadores e de impacto social positivo. Terá a duração de 12 meses, com a carga horária de 171 horas e oferecerá suporte e qualificação com a realização de palestras, consultorias, capacitações, mentorias e assessoria.

Fomento – A In Pacto, cuja tecnologia foi concebida pelo Parque Social em parceria com a Secis, faz parte do Colabore e tem como propósito contribuir para o desenvolvimento socioeconômico sustentável de Salvador, fomentando a cultura empreendedora de forma audaciosa e com tecnologias de vanguarda. Está em consonância com uma cidade inteligente, inovadora, resiliente, economicamente desenvolvida e socialmente justa, observando os 17 Objetivos Globais do Desenvolvimento Sustentável.

Outras informações podem ser adquiridas através do coordenador técnico da In Pacto, Randerson Almeida, pelo e-mail: in. [email protected] Foto: Jefferson Peixoto/Secom

Categorias: Noticias

Comentários estão fechados